noticias Seja bem vindo ao nosso site Assú Todo Dia!

Esporte

Operação contra supostas fraudes em jogos de futebol cumpre mandados em cinco estados

Operação contra supostas fraudes em jogos de futebol cumpre mandados em Goiás e mais estados

Publicada em 28/11/23 às 16:26h - 64 visualizações

Gustavo Varela


Compartilhe
Compartilhar a noticia Operação contra supostas fraudes em jogos de futebol cumpre mandados em cinco estados  Compartilhar a noticia Operação contra supostas fraudes em jogos de futebol cumpre mandados em cinco estados  Compartilhar a noticia Operação contra supostas fraudes em jogos de futebol cumpre mandados em cinco estados

Link da Notícia:

Operação contra supostas fraudes em jogos de futebol cumpre mandados em cinco estados
São cumpridos 10 mandados de busca e apreensão em 8 municípios de Goiás e mais quatro estados  (Foto: Divulgação/MPGO)

O Ministério Público de Goiás (MP-GO), deflagrou nesta terça-feira (28), a terceira fase da Operação Penalidade Máxima, que investiga supostas fraudes em jogos de futebol. São cumpridos 10 mandados de busca e apreensão em 8 municípios de Goiás e mais quatro estados. 

Jogos de Goiás e Flamengo estão entre os investigados. Segundo o MP, as partidas dos campeonatos nacionais são do segundo turno e as dos estaduais aconteceram em janeiro e fevereiro. São investigadas possíveis fraudes nos resultados das seguintes partidas: 

- Avaí x Flamengo, pela Série A do Brasileirão de 2022; 

- Náutico x Sampaio Corrêa, pela Série B do Brasileirão de 2022; 

- Náutico x Criciúma, pela Série B do Brasileirão de 2022; 

- Goiânia x Aparecidense, pelo Goianão de 2023; 

- Goiás x Goiânia, pelo Goianão de 2023; 

- Nacional x Auto Esporte, pelo campeonato Paraibano de 2023; e 

- Sousa x Auto Esporte, pelo campeonato Paraibano de 2023. 

A investigação apura que um grupo criminoso oferecia dinheiro para jogadores receberem punições, como cartão amarelo, vermelho, cometimento de pênalti ou placar parcial na partida. Desta forma, os integrantes do esquema lucravam em sites de apostas esportivas. 

O g1 pediu um posicionamento aos clubes: Avaí, Flamengo, Náutico, Sampaio Corrêa, Náutico, Aparecidense, Goiás, Goiânia, Nacional e Auto Esporte. 

Ao g1, o Criciúma informou que o time não foi acionado e o jogador expulso da partida era do Náutico. O Sousa explicou que não foi notificado e está tranquilo porque não compactua com essa prática e estará à disposição da Justiça para qualquer esclarecimento. Os demais clubes não responderam até a última atualização desta reportagem. 

Mandados 

A operação é feita por meio do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco) e da Coordenadoria de Segurança Institucional e Inteligência (CSI). A ação conta com apoio da Polícia Militar de Goiás, do Cyber Gaeco do Ministério Público de São Paulo e dos Gaecos dos Estados do Mato Grosso do Sul, Paraíba e Rio de Janeiro. 

Os mandados são cumpridos em Goiânia (Goiás), Bataguassu (Mato Grosso do Sul), Campina Grande (Paraíba), Nilópolis (Rio de Janeiro), Santana do Parnaíba (São Paulo), São Paulo, Volta Redonda (Rio de Janeiro) e Votuporanga (São Paulo). 

Penalidade Máxima 

A terceira fase da operação é um desdobramento das fases I e II, deflagradas em fevereiro e abril deste ano. Segundo o MP-GO, até o momento, três denúncias recebidas pelo Poder Judiciário, com 32 pessoas acusadas de crimes de integrar organização criminosa e corrupção em âmbito desportivo. 

Fonte: Michel Gomes - G1 Goiás 




ATENÇÃO:Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente do nosso site. Toda responsabilidade das mensagens é do autor da postagem.

Deixe seu comentário!

Nome
Email
Comentário


Insira os caracteres no campo abaixo:








Nosso Whatsapp

 (84) 99465-0642

Visitas: 368890
Usuários Online: 19
Copyright (c) 2024 - Assú Todo Dia
Converse conosco pelo Whatsapp!